Sam Lufti afirmou também que chegou a levar cães farejadores para procurar droga na casa da cantora

A guerra entre Britney Spears e seu ex-empresário parece estar longe do fim. 

De acordo com o jornal "Los Angeles Times", Sam Lufti afirmou durante audiência nessa quarta-feira (24) que o pai da cantora, Jamie Spears , o socou no estômago e ameaçou sua vida antes da internação de Britney, em 2008. 

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

O empresário, que está processando a família da estrela por difamação e quebra de contrato, alega também que Britney era viciada em drogas.

"Ela queria ficar limpa, mas estava encontrando dificuldades para isso", disse Sam, que garantiu ter tomado atitudes drásticas para mantê-la afastada do vício. Ele afirmou que em certa ocasião levou cachorros farejadores para procurar drogas na casa de Britney, e chegou a jogar um pacote de cocaína na privada. 

CONFIRA AQUI:  Britney Spears compra mansão de R$ 17,2 milhões para morar com o noivo

Sam contou ainda a verdadeira razão que levou Britney a raspar o cabelo em 2007. "Britney estava envolvida em uma batalha judicial por seus filhos (com o ex-marido, Kevin Federline ). Alguém disse que poderiam testar cientificamente o cabelo dela para saber seu histórico de uso de drogas, então ela o raspou", disse o ex-empresário da estrela.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.