Sertanejo fala sobre sua vida após a separação

Zezé di Camargo:
Divulgação
Zezé di Camargo: "Cantar é um orgasmo de duas horas"

Quem acha que Zezé di Camargo  anda aproveitando como nunca o assédio das fãs e mulheres, se engana. Aos 50 anos, o sertanejo contou em entrevista à revista “Sexy” de novembro que a atual fase de solteiro tem sido importante para ele "pensar em si mesmo". “Eu nunca fui um cara assim de pegar uma de manhã, outra à noite”, explica ele, acrescentando que continua amigo da ex-mulher, Zilú .

Foi para ela, inclusive, que ele telefonou para se gabar de seus exames de saúde. “Estavam todos normais, mas o que chamou mais a atenção foi o exame de testosterona dizendo lá que a média pra um menino de 18 anos é 800. O meu deu 765. O pessoal lá no laboratório ficou impressionado. Eu liguei pra Zilú contando isso e ela me respondeu assim: ‘Ah, tá tudo explicado’.”

Siga o iG Gente no Twitter

O trabalho é para ele sua maior curtição. “Cantar é um orgasmo de duas horas.” E em vez de badalações depois dos 22 shows que faz por mês, ele prefere tomar uma “cervejinha com os amigos”. O irmão Luciano raramente participa desses momentos. Zezé revela que não mantém uma relação social com ele, apenas profissional e familiar. E ainda comenta que toma a dianteira da dupla. “Somos duas almas diferentes.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.