Apresentador lamenta morte de Hebe: "Fica um vazio insuperável na TV brasileira"

Rodrigo Faro, apresentador de "O Melhor do Brasil", na Record, e se preparando para liderar a "Fazenda de Verão" em novembro, considera que hoje, dia 29 de setembro, não é um dia para sorrir. "Eu sempre estou sorrindo, mas hoje não é um dia para isso. Tudo o que eu sei eu aprendi com Hebe Camargo. Aprendi a ser espontâneo, a ser alegre, a ser feliz."

Para ele, a apresentadora é um exemplo de mãe, de mulher e de profissional. "Fica um vazio insubstituível na televisão brasileiro. Vai ficar um buraco para sempre." E ele disse mais, que a tarefa de apresentador vai ganhar um outro peso para ele. "Vai ser muito difícil pegar um microfone e apresentar um programa agora sem lembrar dela. Ele é meu ídolo. O céu está em festa, tenho certeza. Perdemos uma mulher, mas lá em cima ganharam uma estrela."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.