Atriz fala sobre relacionamentos e o desejo de ser mãe

Manoela Marinho, papel de Guilhermina Guinle , tinha problemas com a bebida na primeira versão de “Guerra dos Sexos”, em 1984. Os tempos são outros e no remake, a socialite será viciada em pílulas.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias dos famosos

E não é só o abuso de substâncias químicas que a deixará perturbada, mas também a insegurança e ciúme do marido, como contou na coletiva de imprensa da novela, nesta quarta-feira (19), no Rio. “Sou o oposto da personagem, é muito chato mulher ciumenta. Eu me inspirei em amigas”, afirma a atriz, acrescentando que sabe do que o homem gosta. “Faço questão de deixar o meu companheiro tranquilo. Esse tipo de sentimento faz com que a relação acabe”, continua. Além das questões de relacionamentos, ela também não tem ansiedade para ser mãe. “Sempre casei com homens que têm filhos, vi o tamanho da responsabilidade desde muito cedo. Mas quero passar por isso.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.