Advogado afirma que músico “sempre cumpriu com os seus deveres de pai, filho e marido”

Gian e Giovani
Ag News
Gian e Giovani


Após pagamento da dívida de pensão alimentícia ao filho que teve com a ex-mulher Maria Clara Alonso , a Justiça revogou o pedido de prisão do cantor Gian , parceiro de Giovani . O débito foi feito nesta segunda-feira (10) e o, por meio de nota, o sertanejo agradeceu o apoio dos fãs. “Fico feliz que tenhamos conseguido resolver esta história da melhor maneira possível. De tudo isso fica pra mim uma profunda gratidão pelo apoio que recebi dos os meus fãs de todo o país, que me mandaram mensagens positivas de todas as formas, recados carinhosos que me deram força neste momento que atravessei. Agradeço também ao meu irmão e parceiro, Giovani, por ter me ajudado nos shows da semana passada. (...) Muito obrigado do fundo do coração. Vida que segue...", afirmou o músico, que tem na agenda cinco shows pelos próximos dias.

Veja também: Sertanejo Gian deve pagar dívida de pensão alimentícia, diz advogado

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

Aparecido Hernani Ferreira , advogado do cantor, também enviou comunicado oficial onde diz que Gian “sempre cumpriu com os seus deveres de pai, filho, marido e ama o seu público, portanto, de agora em diante vai dar prosseguimento as agendas já programadas e continuar a carreira artística ao lado do seu querido irmão, com quem faz a dupla”.

Confira na íntegra o comunicado enviado pelo advogado do músico:

"Representando o Senhor Aparecido dos Reis Morais, de nome artístico (GIAN) da Dupla “GIAN & GIOVANI” temos a informar à imprensa e também aos fãs que este Departamento Jurídico juntamente com a assessoria do artista em questão, nesta segunda-feira (10/09/2012) como já era previsto, cumpriu integralmente com seu dever, qual seja, efetuou de forma integral o depósito na conta judicial da Sexta Vara da Família e Sucessões do Fórum de Barueri.

Também esclarecemos que o fato de ter efetuado o depósito não significa que o artista está confessando o débito, posto que, como já anteriormente informado GIAN é credor e não devedor. Tanto é que os processos para recebimento dos débitos encontram-se em trâmite perante o Poder Judiciário do Foro Central da Capital Paulista.

GIAN sempre cumpriu com os seus deveres de pai, filho, marido e ama o seu público, portanto, de agora em diante vai dar prosseguimento as agendas já programadas e continuar a carreira artística ao lado do seu querido irmão, com quem faz a dupla.

Sempre esteve e agora mais que nunca está confiante na justiça de Deus e da Terra. Agradece a todos os fãs e toda a sociedade brasileira que nestes dias tão difíceis enviaram milhares de e-mails, cartas e telefonemas de consolo, acreditando na sua inocência. E o resultado não poderia ser outro senão a revogação da prisão.

Finalmente faz questão de agradecer aos amigos e a imprensa séria deste país que soube compreender este momento tão difícil da sua vida."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.