Atriz quer Débora feliz no final da novela, seja com Iran ou Jorginho, e falou ainda sobre seu namoro com Caio Sóh

O sucesso de “ Avenida Brasil ” está refletindo em Nathalia Dill . A intérprete de Débora tem sido convidada a fazer presença em muitas festas e nesta quinta-feira (23) não foi diferente. Ao lado de Carolina Dieckmann , a atriz prestigiou a inauguração da loja conceito da grife de sapatos e acessórios “Mya Hass”, em São Paulo. “Essa semana está ‘bombando’ de eventos!”, disse ela, em entrevista ao iG Gente .

Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias dos famosos em tempo real

Claro que a novela foi um dos principais assuntos durante a conversa da atriz com a imprensa. Nathalia falou com quem ela gostaria que sua personagem terminasse a trama. “Parou a pergunta 'com que Jorginho ( Cauã Reymond ) vai ficar?' e agora é ‘com quem Débora vai ficar?’. Acho bonitinho, torço por ela! Mas quem for, tem que amá-la, ela merece. Com o Iran ( Bruno Gissoni ) está começando um ‘trelêlê’, mas não sei se eles ficarão juntos”, respondeu, fazendo mistério.

LEIA TAMBÉM: Nathalia Dill: “O perdão e uma segunda chance estão sempre aí"

A atriz esclareceu que, diferentemente do que foi divulgado, não quer que seu papel se dê mal. “Entenderam errado, eu falei que como atriz é legal que a personagem passe por problemas, tenha desafios, passe por crises, para chegar a um final feliz. Mas quero que ela seja feliz”, explicou.

Vida Pessoal

Nathalia Dill e o seu namorado, Caio Sóh , são sempre alvo dos paparazzi quando saem juntos. A atriz contou que ele não fica incomodado com o assédio da imprensa por conta da relação com uma famosa. “Ele é ótimo, lida superbem. Só fica bravo quando falam que ele é ator. Ele é escritor e diretor”, ressaltou.

VEJA:  Nathalia Dill janta com namorado e amigos no Rio

Se os dois planejam se casar, Nathalia falou que sim, mas que ainda são planos futuros. “Vou falar que não vou casar com meu namorado? (risos) Vamos, estamos apaixonados”, finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.