Atriz falou sobre a relação com Thiago Martin, de “Avenida Brasil”, e sobre a expectativa em viver uma mulher traficada na próxima novela das nove, “Salve Jorge”

Inspiração e amizade foram os motivos que fizeram Paloma Bernardi  conferir à performance de Lilia Cabral  na estreia da peça “Maria do Caritó” no Teatro da Faap, em São Paulo, na noite desse sábado (11). “Onde ela estiver, estou atrás prestigiando e aplaudindo. É uma excelente atriz e pessoa que desde “Viver a Vida” carrego na minha vida. Ela me chama de filha desde a novela, sou a pititica dela”, disse Paloma, aos risos.

Siga o iG Gente no Twitter e receba notícias dos famosos 

Prestes a estrear em “Salve Jorge”, novela que entrará no lugar de “ Avenida Brasil ”, na Globo, Paloma contou como anda sua preparação para viver uma mulher traficada. “Começo a gravar esta semana, mas estou desde maio vivendo esse universo da minha personagem, que vai abordar o tema polêmico das mulheres traficadas, com palestras, workshops, conversas com mulheres traficadas, delegadas, ongs que recebem mulheres que conseguem sersalvas”, disse. “É uma ferida no coração e na alma de cada uma delas que não tem cura. É muita tristeza, vergonha e que, por mais que sejam salvas e se livrem do trabalho físico, que é árduo, as manchas ficam com certeza pra vida toda. Fica no psicológico”, completou.

Já sobre a atual trama das 21h, "Avenida Brasil" em que o personagem de seu namorado Thiago Martins (Leandro) vive um triângulo amoroso, Paloma já tem um veredito. “Eu acho que o Leandro vai ficar com a Suelen ( Ísis Valverde ). Desde o início ele é apaixonado por ela e ela também gosta dele. Acho que é só uma fase (a separação do ex-casal). Por parte do Leandro, o que rola com o Roni ( Daniel Rocha ), é uma amizade. Já da parte do Roni, é um amor platônico”, opinou.

Namorados desde o início do ano, Paloma ainda acha cedo firmar um compromisso mais sério. “Está muito no início para casar ou morar junto, mas quando o coração bate forte, não tem como fugir, negar”, disse. A atriz também falou sobre o duplo assédio em cima de Thiago, já que além do destaque na novela, é tambpem vocalista da banda Trio Ternura. “Não somos muito ciumentos, mas entendo o trabalho dele, é complicado, vive viajando, mas faz parte. Confiança é a primeira coisa a ser conquistada”, disse. “Ele é bastante romântico e eu também”, completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.