Segundo investigador, Rafael Noronha pode ter engravidado a ex de um traficante do Rio Grande do Sul

A investigação da morte de Rafael Noronha , irmão do ex-BBB Jonas Sulzbach , ainda segue sem desfecho. Policiais da Delegacia de Lajeado, interior do Rio Grande do Sul, trabalham com diversas vertentes para solucionar o caso. Uma das linhas aponta para um traficante enciumado que teria encomendado a morte de Rafael.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

Fernando Paim , investigador responsável pelo assassinato, falou ao iG que o envolvimento de Rafael com a ex-mulher de um traficante é uma das possíveis causas da morte. “O menino se envolveu com a mulher do traficante. Também temos a linha de que ele estava envolvido com drogas”, disse ele.

Rafael, de apenas 20 anos, foi executado no último dia 25 de junho com nove tiros , em Lajeado, Rio Grande do Sul. Segundo o investigador, apesar do comprometimento, “até agora a polícia não tem nada de concreto sobre o caso”.

De acordo com Fernando Paim, a ex-mulher do traficante alegou que o pai de seu filho seria Rafael. “A moça estava grávida e disse que ele seria o pai da criança, mas nada disso foi provado”, falou. O investigador informou ainda que o traficante suspeito de ter encomendado a morte de Rafael está preso há “alguns anos”. Ou seja, quando Rafael foi executado, o possível mandante já estava atrás das grades.

Acredita-se que o traficante teria encomendado “capangas” para matar Rafael por ciúme de sua ex-mulher. “Ele está aqui preso em Rio Grande e ainda não foi ouvido. Tão logo tivermos um apontamento definitivo, ouviremos todos os suspeitos de envolvimento”, explicou.

Em recente entrevista ao iG , o ex-BBB comentou sobre a morte do irmão e chegou a falar sobre o envolvimento de Rafael com uma mulher. “Eu creio que o que as pessoas estão pensando não seja bem o que aconteceu. Teve envolvimento com droga, só que tudo leva a crer que foi por causa de uma mulher que ele estava envolvido, que tinha um parceiro do mal. Ele já tinha sofrido ameaça dessa pessoa pra se afastar dela”, falou.

O ex-BBB também comentou sobre o envolvimento do irmão com as drogas e revelou que Rafael chegou a ser internado mais de 25 vezes e o considerava doente por isso. Porém, a única imagem que guarda do irmão assassinado é de “uma pessoa amorosa, bondosa e generosa”.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.