Ator se envolveu em confusão na casa noturna Miranda na noite dessa quarta-feira (19)

Marcelo Faria chegando na casa noturna onde deu uma garrafada em um dos seguranças
AgNews
Marcelo Faria chegando na casa noturna onde deu uma garrafada em um dos seguranças

Marcelo Faria foi acusado de agredir um segurança da casa noturna Miranda, zona sul do Rio de Janeiro na noite dessa quarta-feira (19). Na ocasião, o cantor Rogê lançava seu álbum na boate. Durante a noite, o ator acabou se exaltando após ser barrado na entrada de um camarote Vip por não ter convite. Nervoso, Marcelo teria agredido o segurança Fabrício Lopes Lima com uma garrafa de cerveja.

Siga o iG Gente no Twitter e receba as últimas notícias dos famosos

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil do Rio de Janeiro, o boletim de ocorrência foi registrado da 14º DP, no Leblon, e nele consta que o segurança foi agredido verbalmente, com xingos, e fisicamente, com uma garrafa de vidro na testa, após explicar para Marcelo que ele não poderia entrar no espaço. Seguindo o procedimento, o segurança foi encaminhado para fazer exame de corpo de delito e o caso será levado ao Juizado Especial Criminal (JECRIM).

LEIA TAMBÉM: Fernanda Vasconcellos é apontada como affair de Marcelo Faria, que se separou recentemente 

Procurada pelo iG , a assessoria de imprensa do ator confirma o envolvimento de Marcelo na briga. “O Marcelo se envolveu, sim, em uma briga ontem e infelizmente agrediu um segurança”, contou Piny Montoro , completando que o advogado de Marcelo já está tomando as devidas providências para dar suporte necessário ao funcionário da casa.

O escritor Francisco Bosco , filho do cantor João Bosco , presenciou o ocorrido e relatou em sua página pessoal do Facebook: “Eu tentei separar, botando as mãos nos peitos dos dois e pedindo calma. O segurança permaneceu tranquilo, tentando apenas conter o ator. O ator me olhou com uma cara de demente. Um segundo depois, partiu pra cima do segurança, forçando a entrada. Nisso os dois se embolaram, eu fui empurrado pra trás, e no instante seguinte vejo o segurança com a testa arrombada por uma garrafada. Eu levei o segurança para cabine de polícia. O ator fugiu da casa de shows. Eu fiquei até às quatro da manhã com o segurança (a agressão foi por volta de meia-noite e meia), entre o Miguel Couto e a décima quarta. Testemunhei a seu favor.”

VEJA TAMBÉM OS BARRACOS DENTRO E FORA DA TELINHA:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.