Veja a guinada na vida das três crianças que saiam de casa com os rostos escondidos

Nesta segunda (25), faz três anos que  Michael Jackson morreu. E os filhos do astro, que sempre foram superprotegidos por ele, continuam a ser notícia. Mas desde a perda do pai, as crianças, que são cuidadas pela mãe do cantor, estão crescendo mais à vontade diante das câmeras.  

Paris Jackson, Prince Michael e Prince Michael II , conhecido como Blanket, sempre foram perseguidos pelos flashes. Para evitar que seus filhos fossem expostos, Michael inventou uma de suas mais famosas bizarrices: obrigar as crianças a circularem com máscaras nos rostos.

Siga o iG Gente no Twitter e acompanhe todas as notícias sobre sua estrela favorita

Lenços e véus também eram usados para esconder os pequenos. Mas o próprio Michael tinha exposto o caçula, Blanket. Em 2002, alguns meses depois do menino nascer, o cantor sacudiu o bebê na janela de um hotel em Berlim. O garoto estava com uma toalha no rosto.

Além de proteger a imagem dos filhos, Michael preferia que eles não fossem à escola e foram educados com professores particulares dentro de casa. Em 2010, um ano após a morte do cantor, os filhos passaram a frequentar normalmente uma escola.

Prince Michael Jr.  hoje tem hoje 15 anos e Paris Katherine Jackson, 14 . Ambos são filhos da enfermeira Deborah Rowe . O terceiro, Prince Michael Jackson II, Blanket, nasceu em 2002, de uma inseminação artificial. Hoje ele tem 10 anos.

O primogênito Prince pretende ser cineasta ou produtor de cinema . Em 2011, durante entrevista à TV, o garoto comentou sobre seu desejo, que era incentivado por Michael - o cantor chegou a contratar professor particular para ensinar truques de filmagem.

Paris, por sua vez, ensaia os primeiros passos como atriz: vai estrelar o filme "Lundon's Bridge and the Three Keys", que estreia em 2013 e cujas filmagens começam em breve.

Em comum, os três filhos manifestaram o interesse em readquirir Neverland, o famoso rancho criado por Michael, perdido por dívidas quando ele ainda estava vivo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.